Blog de comunicación del Escolasticado Latinoamericano Sacramentino

Se ha producido un error en este gadget.

miércoles, 2 de junio de 2010

Bendito sejais, Senhor Deus do universo, pelo pão e pelo vinho..."
"Todas as vezes que comemos deste pão e bebemos deste cálice, anunciamos, Senhor, a vossa morte, enquanto esperamos vossa vinda".

"Vocês é que têm de lhes dar de comer”. A Eucaristia, que nos faz Igreja, nos leva a reviver o memorial de nossa fé: paixão, morte, ressurreição e ascensão de nosso Senhor. Mas a fração do pão eucarístico e a participação no banquete do Cordeiro nos levam a tornar eucarística toda partilha do “pão nosso de cada dia” com quem está afastado do banquete da vida e passa fome.

A Eucaristia é a presença de Jesus ressuscitado, é um mistério de fé que manifesta e consuma a unidade de Deus com os homens. Deus se fez homem. Deus deseja estar com todos, servindo, acolhendo, sendo comunhão. Crer e celebrar a Eucaristia provoca na sociedade efeitos concretos de comunhão. A Eucaristia é o prolongamento da encarnação de Cristo nos séculos. Ela multiplica Deus no mundo. Esse mistério está no coração da Igreja, que o entende como síntese e ápice de toda sua missão e fundamento de todo o seu ser. É o amor que faz ver e conhecer profundamente esse mistério. E a fã deve ser iluminada pelo amor.

Explicando a expressão “Corpus Christi”, é uma expressão latina, que significa “Corpo de Cristo”. O latim, por muito tempo e, até hoje, em grandes solenidades, foi e é a língua oficial da Igreja. É por isto que esta solenidade é denominada pela expressão latina. O mundo de hoje está muito afastado do bem. Há muita violência, egoísmo, indiferença, ganância, corrupção, falta de amor. Cabe a nós, que temos fé, que celebramos a Eucaristia, participar das solenidades, não só fisicamente, mas com os nossos melhores sentimentos, com muito amor, para que a Eucaristia nos ajude a combater o mal dentro de nós e no mundo, a fim de que vivamos a paz de Cristo e consigamos tornar esse mundo melhor.

Fonte: Dom. Eurico dos Santos Veloso

No hay comentarios:

Publicar un comentario